sexta-feira, 22 de maio de 2009

LIÇÕES PARA TRABALHAR NO CULTO DOS JUNIORES

LIÇOES OBJETIVAS

A CHAVE DA ORAÇÃO

“Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu a farei” (João 14:14).
Textos adicionais: I Reis 18:17-36; Atos 12:5-12; Marcos 11:24.

Material Necessário
2 cadeados pequenos e chaves
3 chaves velhas de tipos diferentes
1 porta-jóias (pode ser substituído por caixinha de papelão revestida com papel amarelo)
7 a 8 tipos de jóias (podem ser anéis, pedra preciosas, colar de pérolas etc.)

Modo de Preparar
Coloque as jóias na caixa. (Caso utilize a caixa de papelão, tente fechá-la colocando uma alça na tampa e na caixa para fechar com o cadeado. Caso utilize um porta-jóias com chave, será necessário apenas um cadeado.)
Coloque etiquetas em cada chave, com as seguintes inscrições: DINHEIRO, FAMA, POBREZA. Coloque etiquetas também em cada jóia. As etiquetas das jóias devem conter as seguintes inscrições: “Ajuda na angústia”, “Perdão”, “Saúde”, “Força”.

NOTA: A chave que abre a caixa ou o cadeado que tranca a caixa deve conter uma etiqueta com a palavra ORAÇÃO.



Mensagem
Mostre um cadeado e sua forma de fechadura. Enquanto você abre e fecha esse cadeado com a própria chave dele, explique que existem muitas outras fechaduras que necessitam das suas chaves próprias para que possam ser abertas, como por exemplo: A porta da nossa casa, a fechadura do carro, a fechadura da mala, da loja, do portão etc.
Há, porém, um tipo de fechadura bem diferente dessas que aqui se encontram. Essa fechadura necessita de uma chave diferente também. É a fechadura do maravilhoso tesouro de Deus (coloque o porta-jóias sobre a mesa e não mostre a chave).
Bem, se este porta-jóias fosse o tesouro de Deus e você necessitasse de uma ou mais bênçãos, como ajuda na angústia, perdão ou força, como você poderia ter acesso a essas coisas?
Será necessário uma chave especial, uma chave própria para abrir esse tipo de fechadura (mostre que a caixa está fechada).
Vamos tentar agora descobrir qual é a chave especial que necessitamos para abrir o maravilhoso tesouro de Deus.
Primeira chave – DINHEIRO
O dinheiro pode comprar as bênçãos de Deus? (Tente a chave na fechadura.) O dinheiro nunca pode comprar o perdão ou a ajuda de Deus em tempo de angústia ou necessidade.
Segunda chave – FAMA
Algumas vezes você vê o filho de uma pessoa famosa e imagina que a chave da fama irá abrir a caixa do tesouro. Talvez seja o filho do prefeito ou do presidente, porém, ter pais famosos não irá abrir o cadeado.
Terceira chave – POBREZA
A pobreza irá abrir o tesouro? Não. O fato de ser pobre não implica em que o cadeado abra a caixa do tesouro.
Há apenas uma chave que pode abri-la. É a chave da oração (segure a chave correta, rotulada com a palavra ORAÇÃO).
Comente, em poucas palavras, como Elias usou a chave da oração para provar que Deus é o único Deus verdadeiro (I Reis 18:17-36) e como a Igreja orou pela libertação de Pedro (Atos 12:5-12).
(Abra a caixa e mostre algumas jóias que ela contém e leia as etiquetas coladas nessas jóias.) Jesus disse: “Se pedirdes alguma coisa em meu nome, eu a farei” (João 14:14).
Primeiramente, peça para as meninas lerem o verso, depois para os meninos.
REFLEXÃO
A oração é a forma que temos para nos comunicarmos com Deus. Essa comunicação é tão importante como uma chave é para a sua fechadura. Através da oração, podemos abrir diferentes caminhos para a nossa vida, pois estaremos entregando nas mãos de Deus as nossas maiores necessidades. Devemos, portanto, falar com o nosso Deus diariamente e entregar a Ele a nossa vida. Então Ele abrirá a caixa de tesouros do Seu infinito amor para colocá-los à nossa disposição.
Vocês gostariam de falar com Deus diariamente? Orem sempre. A Bíblia nos aconselha: “Orai sem cessar” (I Tessalonissenses 5:17). Isso não quer dizer que devamos estar ajoelhados o tempo todo, mas sim, que devemos estar em comunhão constante com Jesus, recorrendo a Ele sempre que precisarmos, não importa o local, tendo a certeza da Sua companhia ao nosso lado, constantemente, para nos animar e ajudar. Esse é um privilégio que tem todo fiel seguidor do Senhor Jesus, pois Ele está sempre pronto a ouvir aqueles que O buscam.


DEIXA A LUZ DE DEUS BRILHAR

Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras, e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus” (Mateus 5:16).
Textos adicionais: Efésios 6:10-17; Hebreus 13:5; Romanos 12:12, 21.

Material Necessário
1 abajur pequeno sem o quebra-luz
4 quadrados de papel de embrulho dobrados ao meio
Uma caneta hidrográfica ou giz de cera preto
Modo de Preparar
Dobre o papel ao meio e faça um recorte centralizado na dobra de cada quadrado de papel, suficientemente grande para permitir que a lâmpada passe por ele.
Com a caneta ou giz de cera, escreva um pecado em cada uma das folhas dobradas para impedir que a luz brilhe (desobediência, mentira, inveja etc.).

Mensagem
“Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras, e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus” (Mateus 5:16).
(Coloque a lâmpada do abajur e as folhas de papel sobre a mesa.)
A lâmpada representa qualquer um de nós. Sem Cristo não temos luz. Pois Ele é a verdadeira Luz e é a Sua luz que refletimos (João 1:9). (Ligue a lâmpada.) Agora que temos luz, devemos deixá-la brilhar (Mateus 5:16).
Algumas vezes, os pecados impedem que Cristo brilhe através de nós.
Primeiro papel: Desobediência. Comente: Quando desobedecemos nossos pais, os professores na escola ou os líderes na igreja, estamos impedindo que a luz de Jesus brilhe através de nós.
(Desdobre o papel com a palavra “Desobediência” e cubra a lâmpada.) Se realmente procuramos ser honestos em tudo, a luz de Jesus irá brilhar intensamente por meio das nossas atitudes e do nosso comportamento (atravesse o papel na lâmpada pelo corte feito, até que esta fique totalmente visível e o seu brilho seja revelado).

Segundo papel: Mentira (Fofoca entre amigos, vizinhos, parentes, etc.).
Contar mentiras também impede que a luz de Cristo brilhe através de nós (coloque o papel cobrindo a luz). Quando vencemos essa tentação (passe a lâmpada pelo corte do papel), estamos deixando nossa luz brilhar. Deus nunca permite que Seus filhos sejam tentados além do que possam suportar (I Coríntios 10:13) e estará sempre dando forças para que eles consigam vencer cada tentação.

Terceiro papel: Negligência (Levantar tarde no domingo de manhã, não estudar a Bíblia, não se alimentar corretamente etc.).
Algumas vezes somos tentados a dormir até mais tarde, a não estudar a nossa Bíblia, não desenvolver bons hábitos alimentares ou fazer tantas coisas que nos prejudicam (coloque o papel sobre a luz). Ao fazer isso, impedimos que a luz de Jesus brilhe através de nós. Quando fazemos o que é correto, vencemos a preguiça, levantamos sempre na hora certa, desenvolvemos bons hábitos (passe a luz pela fenda do papel), estamos deixando a luz de Jesus brilhar através de nós.
REFLEXÃO
Muitas vezes, nós nos esquecemos de que devemos brilhar, que devemos refletir a luz de Jesus. Deus nos permitiu nascer com a missão de mostrar a todos o Seu grande amor em toda a nossa vida. Não devemos viver uma vida “apagada”, sem a luz de Jesus em nós. Vamos começar a deixar nossa luz brilhar hoje mesmo?

TODAS AS RAÇAS

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o Seu Filho Unigênito, para que todo aquele que nEle crê, não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3:16).
Textos adicionais: Atos 8:26-40; 10:34; Efésios 4:6.
Material Necessário
1 pacote de cada tipo de feijão (feijão preto, feijão branco, feijão carioquinha, feijão jalo, feijão vermelho, soja)
1 figura de Jesus em pé
1 tigela transparente
Papel cartão
Tesoura
Cola
Modo de Preparar
Cole a figura de Jesus em papel cartão e recorte o contorno (a figura deve ter aproximadamente 25 cm de altura).
Use uma tigela transparente para que se possa ver seu conteúdo. Os feijões deverão estar em pacotes separados.
Mensagem
Conte a história de Filipe e o etíope, dando ênfase ao desejo e às necessidades do etíope e ao fato de Filipe haver sido enviado para ajudá-lo. À medida que for contando a história, pegue um feijão branco e mantenha-o à vista enquanto segue falando. Ele representa Filipe. A seguir, segure na outra mão um feijão preto, representando o etíope.
Quando terminar a história, coloque os feijões na tigela.
Esta tigela representa o nosso mundo, com todas as raças existentes.
Feijão Branco
Este feijão representa os anglo-saxões, americanos, ingleses, alemães. Todas as pessoas da raça branca necessitam de Jesus, pois não há outro meio de salvação a não ser em Cristo Jesus.
Feijão Vermelho
Este feijão representa os índios, que também necessitam de Cristo. Se não pudermos ir até onde eles estão, podemos dar nossas ofertas para que outros possam ir e falar a eles do amor de Jesus.
Feijão preto
Há também pessoas de pele negra que necessitam de Jesus. Lentamente, despeje os feijões pretos na tigela e fale a respeito da necessidade que os africanos também têm de conhecer Jesus. Vá acrescentando os outros tipos de feijões, ao falar das diferentes raças que também necessitam conhecer Jesus.
Feijão carioquinha
Pessoas de pele parda, como os hindus na Índia, que necessitam de alguém que lhes explique o evangelho.
Feijão Jalo e soja
Representam os chineses, japoneses, coreanos e todos as pessoas das ilhas orientais pertencentes à raça amarela. Não podemos ir até essas pessoas, mas elas também necessitam de Cristo. Todas as nações necessitam do Evangelho e das boas novas que Filipe transmitiu ao etíope naquele dia, há tanto tempo. Você deseja, assim como Filipe, falar às pessoas do amor de Jesus?
Retire um feijão da tigela, de qualquer cor, e explique que Cristo morreu em favor de cada pessoa, não importa a sua cor. Com a mão, misture os feijões. Fixe a figura de Cristo no centro da tigela e então leia João 3:16. Peça para as crianças repetirem o verso e a seguir cante com elas: “Cristo ama as criancinhas”.
REFLEXÃO
Deus ama todas as crianças. Em toda a Sua Criação podemos perceber claramente a sabedoria e criatividade divinas ao misturar as cores, formas, tamanhos, movimentos e sons.
Cada obra criada por Deus revela a grandeza da Sua criatividade e é por isso que nós não somos iguais. Para Deus, todos somos importantes, não importa o nosso tamanho, nossa voz, o sexo, a cor, a fisionomia etc.
Deus não se agrada quando excluímos alguém. Ele nos ama a todos, igualmente, e deu o Seu filho para salvar a todos.
Quantos gostariam de agradecer a Jesus por esse grande amor?





LUZES ACESAS

“Vós sois a luz do mundo” (Mateus 5:14).
Textos adicionais: Mateus 5:14-16; João 1:4-9; 8:12; 9:5.

Material Necessário
1 lanterna
1 lanterna de bolso
1 lâmpada ligada a um fio
1 abajur
1 palito e caixa de fósforos
1 vela grande sobre um castiçal
1 vela pequena de aniversário
1 lamparina
Modo de Preparar
Disponha sobre a mesa, em fila, as luzes que você têm. Retire as pilhas da lanterna pequena e coloque-as no final da fila. Rotule as baterias com a frase “Luz do Mundo” e deixe-as ali até à conclusão da lição.
Mensagem
Apresente Mateus 5:14 em suas próprias palavras.
Nem todas as pessoas emitem o mesmo brilho por Jesus, mas todas devem brilhar para Ele de alguma forma. Estes diferentes objetos emitem
alguma forma de luz, mas todos transmitem a luz (demonstre acedendo cada um para que vejam a diferença e deixe as velas acesas).
As lanternas são úteis em diversas circunstâncias porque são portáteis; não necessitam estar ligadas à tomada. Essa forma de luz nos ajuda em momentos de dificuldade e chega aos lugares mais difíceis, como quando se quer verificar algo debaixo do carro, em um buraco, etc.
O abajur não apenas provê luz para leitura, mas também é uma peça decorativa. Os fósforos são necessários para podermos acender velas, no caso de acabar a energia. Claro, a vela de aniversário destina-se estritamente à decoração e celebração. Ela traz alegria a toda festa.
Este velho lampião provê luz barata quando não há energia. Muitos de nossos avós e bisavós dependiam desse tipo de luz em seu lar.
Cada cristão também tem uma luz que deve brilhar para um propósito especial. Vejam, esta lanterna não consegue emitir luz porque não tem aquilo que ela precisa para que a luz apareça. Assim como a lanterna, nós também não poderemos brilhar sem Cristo, porque “Ele é a luz do mundo” (João 1:4-9).
(Pegue as pilhas e mostre-as enquanto fala. Coloque-as na lanterna para demonstrar a fonte de energia. Se desejar, cante com as crianças “Luz Bendita, Luz Gloriosa” ou peça para alguém cantar).
REFLEXÃO
A luz foi criada para brilhar.
De nada adianta uma luz se ela estiver apagada, quebrada ou desconectada.
Da mesma forma, de nada adianta viver se não for para “brilhar”. Você pode fazer a diferença onde estiver. O seu brilho deve ser percebido através do seu modo de agir, pensar e falar. É assim que podemos brilhar por Jesus. Deus criou você para brilhar, por isso, assim como a lanterna depende da pilha para refletir a luz, você deve estar sempre ligado à fonte de energia que é Jesus.
(No final da apresentação, cante com os alunos o hino “Minha pequenina luz”.)

COISAS PEQUENAS PORÉM IMPORTANTES

Que é isso na tua mão?” (Êxodo 4:2).
Textos adicionais: Êxodo 4:1-5, 17; 14:13-22; 17:3-6; I Samuel 17:40-51; João 6:1-14; Marcos 12:41-44; Atos 9:36-42.

Material Necessário
1 cajado
1 agulha com linha
Pedaço de tecido
Pedaço de couro
5 pedrinhas
2 barbantes fortes
1 moedinha
1 lancheira pequena (cheia de papel)
Modo de Preparar
Coloque todos os materiais sobre a mesa.

Mensagem
(Fale brevemente sobre cada uma das histórias bíblicas relacionadas. Uma delas pode ser omitida, se houver necessidade, devido ao tempo. Faça o estilingue diante da classe, enquanto fala a respeito de Davi.)
Costure enquanto fala a respeito de Dorcas. Enfatize a insignificância
de cada objeto e como cada um trouxe libertação do sofrimento, liberdade aos cativos e liberdade às nações.
1. Moisés usou um cajado – Êxodo 4:1-5, 17; 14:13-22; 71:3-6 (segure o cajado e caminhe enquanto fala).
2. Davi usou seu estilingue (ou funda) – I Samuel 17:40-51 (atire com ele).
3. O menino deu seu lanche a Jesus – João 6:1-14 (segure a lancheira enquanto conta resumidamente a história).
4. A viúva deu sua moedinha como oferta – Marcos 12:41-44 (deixe as crianças segurarem a moeda enquanto conta a história).
5. Dorcas usou sua agulha e linha – Atos 9:36-42 (costure o tecido).
Estes objetos são muito pequenos, mas ajudaram a realizar grandes coisas. Muitas vezes, buscamos a força nas armas para levar pessoas à liberdade, mas Deus realmente necessita de pessoas, pessoas de todas as idades, que estejam dispostas a usar aquilo que possuem, ainda que seja algo bem insignificante.
Deus pode nos usar assim como somos, se trabalharmos para Ele com toda a nossa capacidade (cante com o grupo o hino “Rapaz Davi”).
REFLEXÃO
O costume de muitas crianças é observar e admirar o que os mais velhos fazem com grande facilidade. A Bíblia nos ensina como as coisas simples e pequenas são importantes também. A cada dia, temos muitas oportunidades de ajudar os outro, mesmo com simples e pequenas ações. Se você fizer sempre à vontade de Deus, estará transformando o seu dia em bênçãos para você e para o próximo.




AS REGRAS DA VIDA

Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós a eles” (Mateus 7:12).
Textos adicionais: Efésios 6:10-17; Hebreus 13:5; Romanos 12:12, 21.
Material Necessário
1 régua
Pedaços pequenos de papel nas cores: amarelo, azul, verde e vermelho (ou outras cores disponíveis)
Barbante
1 corda para equilibrar a régua
4 objetos pequenos e embrulhados para servirem de pesos (moedas, palitos de fósforo, borrachas etc.)
Modo de Preparar
Amarre a corda entre dois pontos, em algum lugar conveniente. Amarre o barbante na corda e na metade da régua para formar uma balança. Amarre barbantes também nas extremidades da balança.
1 - Embrulhe os objetos com o papel-colorido - vermelho e amarelo para os objetos ou pesos maiores (duas caixas grandes e cheias de fósforos são ideais para isso).
2 - Embrulhe os pacotes menores com as cores azul e verde (duas caixas pequenas contendo algumas moedinhas podem servir para os pacotes mais leves).
3 - Escreva frases em etiquetas e cole-as nos pacotes com os pesos, como segue:
• Amarelo: “Seja bondoso para comigo.”
• Vermelho: “Seja bondoso para com os outros.”
• Azul: “Lembre-se do meu aniversário.”
• Verde: “Lembre-se de mim no Natal.”
IMPORTANTE: Esses pesos devem ser testados antecipadamente.

Mensagem
Há muitas leis que devemos obedecer a cada dia: leis de trânsito, regras na escola, em casa, nos negócios, e tantas outras. Há uma regra, porém, que é a maior de todas. Ela foi ensinada por Jesus e devemos segui-la por toda a nossa vida.
Jesus sabe que desejamos que todos nos tratem bem. É mais ou menos como se todos usássemos um cartaz nas costas dizendo: “Seja bondoso para comigo!” (prenda o pacote com essa frase a dois centímetros de uma das extremidades da régua).
Certamente, se não tivéssemos pensamentos de amor ao próximo, nossa vida seria totalmente desequilibrada. Outros desejos egoístas deixarão a balança em desequilíbrio (amarre os pacotes pequenos no outro extremo da régua, com as frases: “Lembre-se do meu aniversário.” e “Lembre-se de mim no Natal.”).
O problema é que há muito “EU” na balança (remova os dois pesos pequenos e amarre o peso com a frase “Seja bondoso para com os outros” nessa extremidade).
Agora a balança está equilibrada e este equilíbrio é alcançado quando obedecemos a esta lição que Jesus nos ensinou: “Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós a eles” (Mateus 7:12).
Se todos seguíssemos essa lei, não haveria brigas, mentiras, ódio, crimes e tantas maldades que ocorrem no mundo hoje, pois ninguém faria para o outro aquilo que não gostaria de receber. Quantos gostariam de seguir essa lei tão importante que Jesus ensinou?
REFLEXÃO
É muito comum que certas crianças sempre queiram ser bem tratadas pelos coleguinhas, mas muitas vezes elas mesmas não tratam muito bem as pessoas. Elas não dão atenção ao que Jesus disse; pensam mais em si mesmas, em seu bem-estar e esquecem-se dos outros. Na Bíblia, podemos obter verdadeiras lições de amor ao próximo, ensinadas pelo nosso maior amigo, o Senhor Jesus. Você já havia pensado nisso antes? Então, não se esqueça: devemos tratar as pessoas da mesma forma que desejamos que elas nos tratem.

A VIDEIRA VERDADEIRA
EU SOU A VIDEIRA, VÓS OS RAMOS.QUEM PERMANCE EM MIM, E EU NELE, ESSE DÁ MUITO FRUTO; PORQUE SEM MIM NADA PODEIS FAZER"

O AGRICULTOR É O NOSSO DEUS E ELE QUER QUE PRODUZAMOS FRUTOS... ISSO É O QUE O AGRICULTOR MAIS QUER QUANDO UMA SEMENTEÉ PLANTADA.

OS TIPOS DE FRUTOS QUE DEUS DESEJA QUE PRODUZAMOS SÃO BOAS OBRAS EF. 2:10... TRABAÇHAR PARA DEUS... SENDO GENTIL PARA ALGUÉM, AJUDANDO AOS MAIS NECESSITADOS , OBEDECENDO AOS PAIS.

OUTRO FRUTO QUE DEUS QUER É QUE POSSAMOS GANHAR ALMAS PARA SEU REINO.

OUTRO TIPO DE FRUTO QUE DEUS QUER "FRUTOS DO ESPÍRITO" GL.5:22,23

JESUS CRISTO A VIDEIRA VERDADEIRA É O QUE SUSTENTA TODOS AQUELES QUE NELE PERMANECEM PARA PRODUZIR ESTES FRUTOS... NÓS SOMOS OS RAMOS DA VIDEIRA, MAS SE NÃO PRODUZIRMOS ESTES FRUTOS O AGRICULTOR QUE É O NOSSO DEUS, LANÇA FORA,(OS AGRICULTORES QUANDO LANÇAM FORA UM RAMO QUE NÃO ESTÁ PRODUZINDO UVAS OBSERVAM QUE A VIDEIRA "CHORA" ESTE NÃO É O DESEJO DE DEUS, E NEM DE JESUS QUE É A VIDEIRA E SE ENTRISTECE QUANDO AQUELES N~SO O SERVEM DE CORAÇÃO ELE NOS AMA MUITO,MAS TEMOS QUE PERMANECER NELE PRA PRODUZIRMOS FRUTOS.

TAMBÉM MUITAS VEZES O AGRICULTOR PODA OS RAMOS DA VIDEIRA PRA QUE ELA PRODUZA AINDA MAIS FRUTOS, O NOSSO DEUS É MARAVILHOSO, MESMO QUANDO ACHAMOS QUE NÃO É NECESSÁRIO, DEUS VEM FAZ ISSO PARA O NOSSO PRÓPRIO BEM, QUANTO MAIS PERMITIMOS QUE DEUS REMOVA O NOSSOS PECADOS, MAIS FRUTOS SERÃO VISTOS NA NOSSA VIDA PARA A SUA GLÓRIA!


ESTA E OUTRAS PALAVRAS EU PUDE MINISTRAR AO CORAÇÃO DOS PEQUENOS E UTILIZEI O DESENHO ACIMA, UM AGRICULTOR... AGORA VAI DA CRIATIVIDADE DE CADA UM DAQUELES QUE IRÃO SE UTILIZAR DESTA LINDA PASSAGEM BÍBLICA, SE PUDER ADQUIRA A BÍBLIA DE RECURSOS PARA O MINISTÉRIO COM CRIANÇAS - APEC.





ALFINETES DE SATANAS – ARMADURA DE DEUS
“...fortalecei-vos no Senhor ... tomando ... o escudo da fé” (Efésios 6:10, 16).
Textos adicionais: Efésios 6:10-17; Hebreus 13:5; Romanos 12:12, 21.
Material Necessário
Bíblia de capa dura
6 balões infláveis
3 alfinetes com cabeça colorida e almofada de alfinetes
Barbante
Modo de Preparar
Encha os balões, amarre o barbante de um lado a outro da sala ou entre duas cadeiras e pendure nele os balões inflados (outra opção é pedir a voluntários para segurá-los durante a demonstração). Espete os alfinetes na almofada.
Mensagem
(Leia Efésios 6:10-17 e fale sobre a armadura cristã.)
Os balões representam a vida dos jovens cristãos. Alguns estão equipados com a armadura de Deus e alguns não. Iremos falar especialmente a respeito da armadura da fé (verso 16).
Satanás tem muitos alfinetes inflamados (mostre a almofada com os alfinetes). Este é um alfinete que ele sempre usa.
Primeiro Balão: Desânimo
“Você não pode viver a vida cristã”, ele diz. Quando uma pessoa insiste nesse pensamento, está se esquecendo de Hebreus 13:5: “Não te deixarei,
nem te desampararei.” Ela se esquece de usar a armadura da fé (mostre o alfinete e, em seguida, fure o primeiro balão).
Segundo Balão: Desânimo
(Utilize o mesmo alfinete. Mostre-o para o grupo e use a mesma tática.) Mas este cristão, embora desanimado, lembrou-se de Hebreus 13:5. Ele usou a armadura da fé (mova o alfinete na direção do balão, mas coloque a Bíblia entre ele e o balão, como uma armadura.
Terceiro Balão: Palavras rudes
(Pegue outro alfinete.) Embora alguém fale palavras rudes para essa pessoa, ela se lembra de “vencer o mal com o bem” (Romanos 12:21). Ela usou a armadura da fé (mova o alfinete na direção do balão, mas use a Bíblia como escudo).
Quarto Balão: Palavras rudes
(O mesmo alfinete). Essa pessoa não ora e não lê a Bíblia com freqüência, portanto, está sem a armadura (fure o balão com o alfinete). Quando ouve palavras rudes, fica irado e retribui no mesmo nível. Os alfinetes de Satanás encontram outra vítima.
Quinto Balão: Segundo lugar
Algumas vezes, na escola, na igreja ou em alguma outra atividade, alguém é escolhido em vez de você. Você fica em segundo lugar, porém, acredita que poderia fazer melhor do que a pessoa que foi escolhida (escolha outro alfinete). Satanás tem um alfinete para você nesse momento, mas se você estiver usando a armadura da fé (Romanos 12:12), o alfinete não poderá feri-lo (repita a mesma ação usando a Bíblia como escudo).
Sexto Balão: Segundo lugar
(O mesmo alfinete.) Talvez outra pessoa seja escolhida para cantar, quando você sabe cantar melhor, mas o alfinete de Satanás não pode feri-lo (faça o movimento de furar o balão, mas atinja a “armadura”, a Bíblia), pois você está forte no Senhor, vestido com a “armadura de Deus” e permanece firme “contra as ciladas (enganos) de Satanás” (Efésios 6:10, 11).
REFLEXÃO
A Bíblia é a nossa única proteção quanto aos ataques de Satanás. É a maneira que Deus nos mostra como devemos nos proteger dos perigos, tristezas, brigas, desobediências, inveja e muitas outras tentações. Quando a tentação nos assalta, devemos sempre buscar na Bíblia os conselhos divinos. Confiando no poder de Jesus e na promessa que Ele fez de sempre estar ao nosso lado e nos fortalecer, estaremos usando a “armadura da fé” e seremos vitoriosos. Quantos gostariam de estar “vestidos” com a armadura da fé?





QUE DIA É HOJE?

Eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação” (II Coríntios 6:2).
Textos adicionais: Eclesiastes 11:9; 12:1; Atos 22:16.
Material Necessário
1 relógio redondo
1 vidro de conserva
Pedaço pequeno de tecido colorido para o vestido
Pedaço pequeno de tecido contrastante para a capa
1 laço colorido ou flor artificial
Fita de tecido
Papel-cartão preto
Fita adesiva
Cola quente (opcional)
Barbante
Cartaz com o verso Bíblico
Modo de Preparar
Faça um personagem usando os objetos solicitados. Faça os olhos e a boca com o papel cartão e cole sobre o relógio que será o rosto da Clara. Esse relógio deverá ser preso sobre o vidro de conserva com fita adesiva. Coloque o tecido franzido ao redor do vidro. Amarre-o bem na boca do vidro com o barbante (ou cole com cola quente) e arrume a roda da saia. Corte o outro tecido em forma de capa
e coloque-o ao redor dos ombros da Clara. Amarre com uma fita. Coloque um laço ou flor no “cabelo” da Clara, prendendo-a com fita adesiva ou cola quente.
Mensagem
Estamos felizes por ter conosco hoje uma visitante. Todos nós a conhecemos e a vemos diariamente. Ela está aqui (aponte para o relógio). Seu nome é Clara Informa.
Talvez vocês não saibam que ela pode falar, mas pode. Ela fala conosco muitas vezes durante o dia. (Acerte os ponteiros para o meio-dia.) Por exemplo: “É hora do almoço”, ela diz. Ficamos felizes porque Clara nos lembra que é hora de almoçar!
Clara também nos diz que é hora de ir para a escola (acerte os ponteiros para o meio-dia e meia). A velha e fiel Clara nunca esquece de dizer à professora quando é tempo de ir para casa.
“É hora do jantar!”, ela informa (acerte os ponteiros para as seis horas). A mamãe olha para a Clara o tempo todo e assim sabe quando é hora de colocar os alimentos gostosos sobre a mesa. A Clara não a deixa esquecer.
Sete meia! (Acerte os ponteiros.) “É hora de fazer a lição de casa”, a Clara Informa. “Essa não, Clara! Espere! Espere um pouco!” Mas a Clara não espera. Ela simplesmente segue com seu tique-taque. “Vamos, vamos, ocupem-se”, ela diz.
Então, os ponteiros marcam oito e meia ou nove horas (mova os ponteiros), e a Clara informa: “Hora de dormir!” Algumas vezes você gostaria que ela parasse de dizer o que fazer, mas ela simplesmente prossegue com o seu tique-taque.
Aí, quando você está no melhor do sono, “trim, trim, trim!” (Faça soar o alarme.) “Acorde, acorde seu dorminhoco”, e a Clara informa: “Levante-se, está na hora!” – “trim, trim, trim!” “Você já dormiu bastante!”
“Por favor, Clara, pare!” Mas a clara continua fazendo “trim, trim, trim!”
Clara nos faz muitos outros lembretes – hora de ir à igreja, hora do papai chegar do trabalho, hora do pôr-do-sol...
Mas há mais uma verdade ainda que Clara nos informa o tempo todo, não importa o que estejamos fazendo: “Eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação” (escreva o verso em um cartaz ou na lousa e peça para as crianças lerem em voz alta).
(Acerte os ponteiros para a hora atual.) Se você ainda não está fazendo isso, agora é o tempo de começar a viver cada momento para Jesus, hoje é o dia da Salvação!
REFLEXÃO
Por tudo o que a Bíblia nos diz e também pelas profecias, sabemos que estamos vivendo nos últimos tempos desse velho mundo. Agora é a hora de pedir a Jesus que nos ajude a entregar o nosso coração a Ele. Ele sempre está conosco, a cada segundo, a cada minuto, cada hora, dia, semana, ano, afinal, a vida inteira. Jesus, porém, respeita o nosso pensamento, a nossa escolha. Ele não nos obriga a nada, a escolha é sempre nossa. E você pode escolher estar ao lado de Jesus. Você pode escolher pedir a Ele que venha morar em seu coração. Este é o momento certo! Agora é o tempo. “Hoje é o dia da salvação!” Quantos gostariam de escolher estar sempre com Jesus?



OS FRUTOS DO CRISTÃO

“Mas o fruto do Espírito é: o amor, o gozo, a paz, a longanimidade, a benignidade, a bondade, a fidelidade, a mansidão, o domínio próprio” (Gálatas 5:22, 23).
Textos adicionais: Gálatas 5:19-23; Efésios 2:1; João 15:1-11.
Material Necessário
1 pacote de balas de goma (de uma única cor)
Fita dupla-face (incolor) ou agulha e linha
Algumas batatas de tamanho médio (ou argila úmida para modelagem)
1 figura de Jesus (cabeça e ombros)
3 ramos de árvores
(1 ramo seco de galho de árvore com algumas folhas secas de 17 cm e 2 ramos de árvores com folhas verdes, com mais ou menos 25 cm.)
Modo de Preparar
Corte a batata pela metade, no sentido do comprimento (ou divida a argila em duas partes). Fixe o galho na batata (ou argila) para que a “árvore” fique em pé. Monte três árvores. Depois de montadas, cada árvore deverá ser escondida em uma caixa para que sejam mostradas apenas quando a respectiva mensagem for apresentada.
Caixa Nº 1 - Uma árvore com algumas folhas secas.
Caixa Nº 2 - Uma árvore normal com algumas folhas verdes.
Caixa Nº 3 - Uma árvore bem coberta de folhas verdes (onde serão colocadas as balas de goma presas aos galhos).
NOTA: Com antecedência, fixe pedaços de fita adesiva dupla-face por
toda a árvore, onde serão coladas as balas de goma. Se a bala for grande, reforce a quantidade de fita adesiva para dar a sustentação necessária à bala. Outra sugestão é passar cada bala por uma agulha com linha; amarre as pontas da linha na bala e deixe no tamanho certo para pendurá-la bem junto aos galhos.
Mensagem
Primeira Árvore
(Coloque a árvore seca sobre a mesa, diante dos presentes. Mantenha as outras duas árvores ocultas.)
Esta árvore representa uma pessoa que não tem Jesus no coração. Veja como se parece com galhos secos. Efésios 2:1 e Gálatas 5:19, 20 descrevem a vida de uma pessoa assim (ler as passagens enquanto mostra as folhas secas, apresentando que tipo de atitudes mantém tal pessoa: ódio, brigas, mentira, inveja, etc.). A seguir, oculte essa árvore.
Segunda Árvore
(Mostre a árvore com folhas verdes.)
Esta árvore representa uma pessoa cristã. Veja como tem folhas verdes! Quando a árvore tem este aspecto, é sinal de que está viva. Essa pessoa foi purificada de seus velhos pecados – ira, inveja, etc. (aponte para a árvore), mas não vemos frutos nela. Oculte essa árvore também.
Terceira Árvore
(Mostre a árvore com os galhos e com muitas folhas, mas sem as balas de goma ainda.)
Vejam! Nesta árvore há uma diferença! (Cole – ou amarre – uma bala em um dos galhos.) Este cristão está dando frutos porque permanece perto do Pai celestial (mencione João 15).
(À medida que os frutos estiverem sendo colocados na árvore, mencione que uma pessoa assim produz o verdadeiro fruto do Espírito, com todas as qualidades descritas em Gálatas 5:22, 23.)
NOTA: para deixar a árvore repleta de “frutos”, você pode colocar várias balas enquanto apresenta cada fruto.
1. Amor – Ele ama a Cristo e a seus semelhantes.
2. Alegria – Contagia outros com a sua alegria e dá testemunho da alegria que sente por ser um cristão.
3. Paz – Ele confia em Deus e entrega suas preocupações a Ele. Quando sente medo, refugia-se em Deus e em Cristo.
4. Longanimidade – Quando outras pessoas ficam iradas com ele ou se opõem ao que ele diz, ele não se irrita nem se enfurece.
5. Benignidade – Ele nunca é rude ou descortês – é bondoso para com todos.
6. Bondade – Ele está sempre disposto a ajudar os outros.
7. Fé – Crê que Cristo pode salvá-lo. Ora, lê a Bíblia e deposita sua confiança em Cristo.
8. Mansidão – Possui domínio próprio porque entregou o controle de sua vida a Cristo.
9. Temperança – Procura comer, beber de acordo com os princípios bíblicos e age equilibradamente em tudo o que faz. Nunca participa de nada que lhe é prejudicial.
Coloque a figura de Jesus no topo da árvore (se necessário, cole-a com antecedência sobre um papelão para não dobrar). Este é o tipo de cristão que devemos ser – aquele que dá frutos e que permite que Cristo seja visto em sua vida.
REFLEXÃO
PARA CRIANÇAS
Uma criança que ama Jesus é aquela que conta aos amiguinhos tudo o que sabe sobre Ele, não somente através das suas palavras, mas através das suas brincadeiras, dos seus gestos e atos de bondade. Que tipo de criança é você? Com qual árvore você se parece? Com a árvore seca? Com a que só faz sombra? Ou com a que faz sombra, dá frutos e alimenta?
APELO
Quantos querem ser uma árvore bem bonita? Só Jesus pode nos ajudar a sermos esta bela árvore que dá muitos frutos - aquelas qualidades a que a Bíblia dá o nome de “Fruto do Espírito”.

O CORDEIRO QUE TIRA O PECADO

Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” (João 1:29).
Textos adicionais: Mateus 1:21; I Pedro 1:18, 19; I João 3:5.

Material Necessário
1 clipe pequeno
1 fio com 25 cm
1 sabonete branco
1 dúzia de botões (qualquer tamanho ou cor)
Etiquetas
1 colher
4 gotas de iodo
1 aquário ou jarra de vidro com 2/3 de água
Alvejante de roupas
Modo de Preparar
Pingue o iodo na água. Rotule os botões com etiquetas pequenas: livros, alimentos, remédios, roupas, dinheiro, amor, máquinas, conselhos, leis, etc. Coloque todos os botões em uma caixa pequena. Faça a escultura de uma ovelha no sabonete (cole a figura da ovelha no sabonete para servir como modelo). Enfie o clipe no dorso da ovelha e amarre o fio. Segurando pelo fio, mergulhe a ovelha no alvejante por alguns instantes e deixe-a secar sobre um prato. Mantenha-a no prato até que esteja seca e pronta para ser usada.
Na hora da lição, coloque o aquário ou jarra e a caixa com os botões sobre uma mesa baixa, diante das crianças, mas mantenha a ovelha escondida.
Mensagem
Este vasilhame com água é o mundo. O pecado trouxe trevas ao mundo.
(Entregue um botão para cada criança.)
Iremos ver agora que botão conseguirá tirar as trevas (pecado) do mundo.
(Oriente as crianças a trazerem o botão que têm nas mãos, uma a uma, e o deixem cair dentro do vasilhame. Antes de deixá-lo cair, porém, cada uma deverá ler a etiqueta que o identifica, como sugestão para a cura das trevas do mundo. Agite a água com a colher depois que cada botão for colocado.)
Todas essas sugestões já foram testadas no mundo, mas as trevas causadas pelo pecado ainda permanecem. A Bíblia tem a resposta. (Segure o cordeiro esculpido no sabonete e leia João 1:29): “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.” (Mergulhe na água a ovelha presa pelo fio. Agite cuidadosamente a água com o auxílio da colher, por alguns instantes, até que desapareçam as trevas.)
Os botões representam as boas sugestões para ajudar as pessoas em outras situações, mas Jesus, o Cordeiro de Deus, é o Único que tira o pecado do mundo.
REFLEXÃO
Nascemos em um mundo de pecado e sabemos o quanto somos pecadores, mas, por não fomos feitos como os robôs, temos a oportunidade de fazer escolhas.
Entregue o seu coração a Jesus, hoje e peça perdão a Ele. Ele está de braços abertos esperando por você.
Vocês gostariam de pedir perdão a Jesus? Quero ver as mãos daqueles que querem pedir perdão a Jesus!

MAÇAS ESTRAGADAS

“... Limpa primeiro o interior do copo, para que também o exterior se torne limpo” (Mateus 23:26).
Textos adicionais: Provérbios 16:18; Colossenses 3:8, 9; Apocalipse 21:8; Efésios 4:29; Levíticos 19:17; I João 3:15.
Material Necessário
• 1 maçã vermelha
• 4 fios de barbante com 5 cm cada
• Faca afiada ou estilete
• Giz de cera preto
• Objeto com ponta fina (tesoura, faca, furador de fruta etc.)
Modo de Preparar
Pinte a ponta de cada fio com giz de cera preto e mergulhe-os em água por alguns minutos.
Com a faca, lasque a casca da maçã de baixo para cima em quatro pontos, cuidando para deixar um lado preso, sem soltá-lo totalmente (essas lascas devem ser feitas como se fossem janelinhas no local onde normalmente você colocará os seus dedos para segurar a maçã durante a apresentação). Levante cada lasca da casca e, com o auxílio de um objeto com ponta, faça buracos com 2,5 a 3 cm de profundidade. Coloque um verme (bicho) de barbante em cada buraco, deixado a cabeça preta suficientemente exposta para saltar para fora facilmente. Volte a lasca da maçã para o seu lugar.
Os cortes devem estar totalmente ocultos por seus dedos enquanto a maçã for mostrada às crianças. A maçã deve ser usada imediatamente depois que foi preparada, visto que os buracos logo ficarão evidentes se ficarem escuros.
Mensagem
Reafirme a beleza da maçã e lembre às crianças como é gostoso comer uma maçã quando estamos com fome. Porém, algumas vezes a aparência exterior é enganosa.
Esta maçã está linda por fora e parece estar deliciosa, mas vamos olhar mais de perto... (encontre uma das lascas, mantenha as demais ocultas sob seus dedos e volte a lasca no lugar).
Sim, este é um lugar que não poderíamos ver. Vejam agora!
(Comece a puxar o “bicho” para fora. Puxe cerca de três quartos dele e, se conseguir, dobre-o. Deixe-o nessa posição até que tenha falado a seu respeito; depois, remova-o totalmente.)
Algumas pessoas se parecem com este verme. Parecem ser boas e piedosas porque vêm à igreja normalmente e têm a aparência de serem muito cristãs, porém, interiormente, onde Deus vê, há certos pecados que arruínam sua boa imagem (repita o procedimento com cada “verme”, nomeando um a um pelos pecados relacionados abaixo e fazendo aplicações adequadas).
Vermes (ou bichos)
(Use as referências bíblicas como base para os seus comentários.)
1. Orgulho - Provérbios 16:18.
2. Mentiras - Colossenses 3:9; Apocalipse 21:8.
3. Palavras impróprias, indecentes - Colossenses 3:8; Efésios 4:29.
4. Ódio - Levíticos 19:17; I João 3:15.
REFLEXÃO
É muito comum uma maçã saudável apodrecer após algum tempo fora do pé, mas é impossível uma maçã podre voltar a ser boa. E é exatamente isso o que acontece com o poder de Deus em nossa vida.
Esse é o único poder que transforma algo estragado pelo pecado em algo totalmente puro, saudável e bom. Quantos aqui gostariam de pedir a Jesus que os ajude a serem bons para o papai, para a mamãe e seus coleguinhas? Quero ver as mãos!

6 comentários:

Elisabete Vieira disse...

Priscila tem um presentinho especial pra vc lá no meu blog, eu mesma fiz com muito amor e carinho!

Bjs, Bete

pugap2 disse...

Olá, a Paz. Querida amei o blog. Vc está de parabéns. Deus a abençoe muito. Um abraço!

Anônimo disse...

olá querida q aPaz do Sr. esteja contigo.Estou mt feliz de ter achado seu blog na net pois além de ter meus filhos estou começando a cuidar da escolinha da minha congregaçao e tenho me inspirado mt atraves das suas dicas q DEUS a abençoe cada dia bjs

conceição disse...

O Senhor Deus é contigo minha amada...continue nesta posição de vaso de honra. Fica na Paz Santa do Senhor Jesus Cristo.

Unknown disse...

Maravilhosos os estudos. Tudo que precisávamos para os juniores. Eles estão amando. Obrigada!

Adriana Gomes disse...

Maravilhosos os estudos. Tudo que precisávamos para os juniores. Eles estão amando. Obrigada!