quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

OUTRA IDÉIA DE CULTO INFANTIL DINÂMICO

Como fazer um culto infantil mais dinâmico?
FONTE: IGREJA DA GRAÇA

Ö Decida um formato.

Ter um pouco de rotina é bom, pois ajuda as crianças a se sentirem à vontade, mas você não precisa ser rígido: pequenas mudanças na rotina, variações nas actividades, uma data especial, tudo isso gera curiosidade e prazer.

Por exemplo, o seu formato básico poderia ser assim:

1. Cumprimentos: diga Bom Dia! e cumprimente as crianças pelo nome, sorria, demonstre prazer em recebê-las.
Você pode fazer uma chamada como na escola, mas ao invés de cada criança dizer 'presente', para cada dia você terá um tema "hoje quando eu chamar o seu nome, você vai me dizer a sua cor favorita".
Ou você pode ter um quadro com os nomes de todas as crianças e assim que elas chegam elas colam um adesivo.

2. Música: intercale canticos conhecidos com outros novos (se você só usa canticos novos, as crianças se sentem frustradas; se você usa cantos que elas já conhecem e podem participar e ensina um ou dois novos, é mais interativo). Os canticos podem ser relacionados com o tema do dia ou do mês, ou podem ser um canto de boas vindas, tipo "Bom dia, bom dia amigo..."

3. Oração: é importante que as crianças se habituem a orar. Alterne: as vezes um adulto ora; as vezes uma ou mais crianças oram em voz alta. Faça orações em círculo, de mãos dadas; individuais, cada um na sua; em silêncio ou em voz alta.

4. Introdução ao tema: pode ser uma música, uma brincadeira, uma conversa...

5. Mostre algum objecto que irá aparecer na história, pergunte sobre as experiências das crianças sobre o tema da história (por ex.: quem já foi pescar? no dia em que você vai falar da pesca maravilhosa)

6. Tema: pode ser por dia ou pode ser um tema por mês/bimestre com várias histórias e actividades interligadas. É muito importante que você escolha uma forma apenas para apresentar o tema: Conte a história ou faça um jogo ou dinâmica, etc... Depois que você aprensentar o tema, dê uma chance as crianças de responderem, assimilarem, trabalharem por si mesmas o conteúdo. Isso pode ser uma conversa ou como descrito abaixo.

7. Resposta ao tema: pode ser arte, trabalho escrito, jogo. Dê oportunidade as crianças de recontar a história nas suas próprias palavras ou de responder ao tema com expressão artística.

8. Encerramento: com cantico, oração, bênção e envio. Você precisa terminar o dia; é muito importante dar um fim claro às actividades, demonstra respeito, não só a Deus e as actividades que você preparou como às crianças.

9. Despedida: Faça deste um momento agradável e informal. É neste momento que você conversa com os pais, diz a eles o que os filhos fizeram durante o dia, elogia um bom comportamento e a participação. Dê uma atenção também as crianças, diga que você gostou que elas vieram e que gostaria de vê-los novamente no próximo domingo. Quem sabe algumas vezes você prepara um suco com biscoitinhos e promove um rápido papo para integração das famílias.


Ö Varie!
· Faça um jogo para ver se todos sabem os nomes uns dos outros;
· Traga instrumentos musicais para as criancas acompanharem o canto (chocalhos, triângulos e coquinhos todos podem usar);
· Traga um CD com o playback das músicas ou com a história do dia;
· Conte a história: usando fantoches; usando flanelografo; usando objetos; usando livro; outra só com a sua voz e gestos.
· Monte um teatro, jogral ou encenação (com as crianças ou com os pais e avós para contar a história);
· Não conte história alguma: faça uma dinâmica de grupo ou brincadeira que leve as crianças a pensar sobre o tema do dia ou sobre o que o texto bíblico quer dizer (isso funciona melhor com crianças acima dos 8 anos);
· Promova uma festa, talvez com os pais junto. Convide as criancas para orarem; Dê directrizes: cada um vai falar 'obrigada por...' e depois 'Deus abençôe...');
· Involva as crianças na bênção: tem inúmeras cantigas simples e versinhos, como: "Deus te abencoe" - cada um coloca a mao sobre a cabeca do vizinho; "Deus te proteja" - cada um coloca a mao sobre os ombros do vizinho; "Deus te de a paz" - as pessoas se abraçam (se estiver fazendo isto em círculo, é só passar o braço na cintura do vizinho e espremer o círculo em direçãoo ao centro).
· Saia da sala de aula. Vá para o jardim (cuidado que é mais dificil manter a atenção!) ou para a igreja, ou mesmo para a cozinha .

Vá com calma!
Não adianta querer usar todas as sugestões acima no mesmo dia. Escolha uma para cada encontro, ou escolha uma por mês para experimentar. Use aquelas que você gostar com mais frequência, mas não tenha medo de testar uma ou outra novidade.


Divida o trabalho
Faça um "banco de talento" - descubra o que as pessoas que trabalham com o culto infantil gostam de fazer. No nosso grupo de professores, duas são excelentes músicas; outras duas são boas contadoras de histórias; uma terceira tem uma voz doce que sempre acalma aquela criança que está chorando e as mais jovens tem energia para correr e brincar! Faça um rodízio entre as pessoas; se você trabalha em duplas, tente alternar as duplas.

Descubra também outras pessoas que podem ajudar na comunidade.
Ore, ore, ore...

8 comentários:

Anônimo disse...

me ajudou bastante.

vanessa disse...

Achei bastante interessante, obrigada pela ajuda!!!!!!!!11

Quel Valverde disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Quel Valverde disse...

Muito bom :D

Anônimo disse...

gloria a DEUS,essas dicas sao mt boas,vou usa-las e espero q meus pequenos gostem...Deus te abençoe!!!

Rita disse...

A paz do Senhor!
Amei a sua dica, estou iniciando com as crianças da minha igreja este ano como cordenadora, vou precisar mto de vcs aí, um abraço!!

UPA-UMP disse...

Muito edificante suas dicas.
Adorei!
Deus te abençoe.

Upa/UMP- Mocidade

Anônimo disse...

DEUS TE ABENÇOE ...E CONTINUE TE ABENÇOANDO PODEROSAMENTE SEI QUE É O SENHOR QUE NOS CAPACITA MAIS TENDO UMA AJUDADA SANTA PARA O REINO DE DEUS CRESCER MELHOR AINDA.

IECM CONGREGACIONAL MANILHA. CÁSSIA BRUM.